Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Little Crushed Heart

Aquilo em que me tornei

Little Crushed Heart

Aquilo em que me tornei

O universo não vai com a minha cara

Hoje fui uma moça errante e o universo tirou o dia para se meter comigo.

Sabem o que é ter montes de coisas para fazer pela cidade, com risco de vos cair uma tempestade em cima digna da fúria de Zeus, sem chapéu de chuva?

Sim, esta menina que vos fala foi esperta o suficiente para se esquecer do chapéu em dia que se fartaram de avisar que é possível cair o céu aqui pelas beiras.

Estava uma pessoa a pedir aos seus botões que houvesse greve e nem o professor que mais falta na minha escola - que por acaso é meu professor e é o professor que me deu a única aula que tive hoje à tarde - faltou. Ainda tinha esperança de ter uma desculpa para adiar estas coisas e tentar fingir que não fui parva ao ponto de me esquecer do chapéu no único dia em que podia precisar dele, mas não.

E o destino, para provar que está mesmo contra mim, trocou-me as voltas e quando cheguei à minha pastelaria habitual, a rapariga que me costuma atender - que já se tornou numa crush pastelarial - não estava lá e com ela se foi o meu mil folhas e ainda sujei as calças a beber o cappuccino, andando com elas assim até às 15:20, porque não havia jeito da mancha sair.

Ah, e sabem o que estava a dar na televisão?

Um filme sobre o natal. 

Como é que eu sei?

A primeira coisa que vi quando olhei para a televisão foi uma grande cara de um senhor vestido de Pai Natal.

Minha gente, nem o Halloween chegou ainda, daqui a nada estão a celebrar o natal em Agosto.

E lembram-se daquilo tudo que eu tinha para fazer?

Não fiz nada.

Corri todas as lojas daquela santa terrinha e nem uma tinha aquilo que eu preciso, em vez disso, deixaram-me com as ideias fisgadas para outras coisas que estão bem longe dos meus planos atuais.

Acabei o dia a imitar o Johnny Depp a pedido do Clark - o meu outro amigo LGBT que eu vou chamar assim porque ele tem um caracol na frente da testa como o Super-Homem - e a dizer coisas indecentes por causa da Baby Blue que me desafiou para comprovar as minhas skills de atriz no meio da rua - e a minha falta de vergonha na cara.

Mas calma...O dia ainda não acabou.

8 comentários

Comentar post