Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Little Crushed Heart

Aquilo em que me tornei

Little Crushed Heart

Aquilo em que me tornei

10
Mai17

Onde é que eu errei agora...?


Hikarry

Vejam, vejam quem voltou!

Não por completo - até porque, desde o ultimo post, sinto-me bastante pior do que antes -, mas por saudades vossas e aqui do canto.

Então, tomei a decisão de postar algo hoje e voltar aos poucos, nos dias em que me sentir um pouco melhor para minutos depois pegar na pá e voltar a escavar o poço que já vai ficando bem fundo aqui deste lado. Então, desculpem, mas não vai haver posts todos os dias - pelo menos, por agora.

Tenho me apercebido - e já me atiraram isso muitas vezes na cara, uns de forma rude, outros de forma cuidada - que tenho extrema dificuldade em pensar racionalmente, o que me leva a ter atitudes menos boas, precipitadas e totalmente compulsivas que, no momento, eu não consigo controlar. 

Com o passar do tempo, com a ajuda da minha psicóloga e de mim própria, tenho vindo a aprender a controlar isso em algumas áreas da minha vida - mesmo que a compulsividade esteja espalhada em outras tantas.

Então, eu tenho tentado melhorar a minha personalidade e algumas coisas em mim que estavam muito erradas, e eu pensava que estava a fazer algum progresso, mas há coisas que acontecem do nada e me fazem pensar duas vezes e perguntar "Onde é que eu errei agora..?". É frustrante, mas aguento. É como se fosse a vilã de mim própria, estragando sempre tudo.

Não vou expor nenhum exemplo em concreto e vou deixar de fazer isso no blog - ou pelo menos tentar - e desculpem-me se eu parecer um pouco abstrata daqui para a frente, mas parece-me necessário, pelo menos por um tempo.

É o melhor para mim e para vocês que não têm que estar a levar com os meus dramas.

O problema desta coisa toda de "Onde é que eu errei agora..?" é que eu começo a culpar-me por tudo, mesmo sem perceber o porquê ou onde é que errei especificamente, carregando com todas as culpas e ficando calada, acabando por ficar com raiva de mim própria. Raiva séria que me tira do controlo e eu acabo por "disparar" para cima das pessoas que estão perto de mim, sendo que a minha cabeça, de alguma maneira, acha que aquilo é castigo para mim, mas eu estou é a magoar outras pessoas.

Sei que tenho que pensar menos e agir calmamente, levar uma coisinha de cada vez, mas se há coisa que me acontece é entrar em modo "ansiedade extreme" e quando entro nesse modo, está tudo estragado. E isso acontece em questão de segundos, sempre.

A minha psicóloga diz que sou muito ingénua, que levo as culpas todas sem admitir que as outras pessoas também me magoam.

Eu simplesmente acho que sou uma pessoa confusa. Muito confusa.

Entendem porque sai daqui por um tempo?

Para tentar reparar estas coisas - que ainda não consegui - que estão cada vez piores...e piores...

Desculpem...Ainda preciso de algum tempo.

4 comentários

Comentar post

Sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Dr. Doutor

    Eu tive aulas de inglês com os alunos de Desporto....

  • green.eyes

    Felizmente somos todos diferentes.

  • Sweetener

    Há uma tendência natural para desvalorizar. Fui al...

  • omeumaiorsonho

    Eu segui ciêntifico os Natural e espalhei me no 12...

  • Isa Nascimento

    Atualmente, nas escolas secundárias, há uma convic...

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D