Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Little Crushed Heart

Aquilo em que me tornei

Little Crushed Heart

Aquilo em que me tornei

06
Ago19

Os livros e a vida


Hikarry

Os livros são mais do que paginas coladas e letras impressas em folhas brancas. São mais do que objetos inanimados que se podem colocar em prateleiras e limpar o pó de mês a mês ou quando nos lembramos.

São salvadores de vidas. Um portal para mundos imaginários, historias nunca vividas e sítios nunca descobertos a la guarda roupa que levou o Pedro, a Susana, o Edmundo e a Lúcia para Nárnia.

Permitem-nos sentir o que nunca sentimos.

São poços de conhecimento e crescimento que anseiam por ser agarrados e abertos à bruta. Anseiam por ser lidos de uma ponta à outra e ser desejados por nós.

São uma distração em tempos difíceis que nos enchem a cabeça de melhores ambientes, melhores pessoas e melhores sentimentos. Um amigo que está sempre lá, desde que se queira. Sem pedir justificações, sem ficar zangado, sem nos ignorar…está lá sempre para nós e sempre estará.

Descobri os livros cedo na vida. Costumava ter noites de desenho animado: o meu pai sentado à minha beira enquanto me lia o meu livro favorito com historias de varias princesas que eu sonhava em ser, depois de me aconchegar e antes de me dar um beijinho de boa noite.

Aprendi a ler entre livros tontos da Rua Sesámo e Era Uma Vez o Corpo Humano que, tanto atiçou o meu gosto pela leitura, como atiçou o meu gosto pelo dito cujo.

Posso dizer sem medo que o meu cheiro favorito é o cheiro a livro: seja novo ou velho, mergulhado em pó e em historia, embora as minhas alergias não achem tanta piada.

Desses livros didáticos passei para coisas maiores, mais difíceis e nunca me senti tão bem no meu mundo como me senti dentro daqueles. Desde os dragões às famílias destruídas, desde espiões charmosos a assassinos implacáveis. De Paris a Dublin; de Alagasia a Hogwards. Nunca me senti tão em casa como entre aquelas paginas empoeiradas.

Nunca sai do país, mas já estive em tantos sítios que se o passaporte pudesse ser usado nestas situações, possivelmente já ia no meu quarto.

Numa só vida já tive tantas. Já fui um cavaleiro de dragões, um feiticeiro, um espião, um professor de historia, uma mulher desesperada…e estou ansiosa para a próxima e pela que vier a seguir.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • green.eyes

    Estás perdoada ...

  • Hikarry

    Vou seguir o teu conselho e tentar ver o filme

  • Sofia

    Espero que tudo se resolva! Devias ter visto prime...

  • Dr. Doutor

    Eu tive aulas de inglês com os alunos de Desporto....

  • green.eyes

    Felizmente somos todos diferentes.

Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D